Remederia foca em consumidor prejudicado pelo reajuste de 4,33%

 

Recém-chegada a Belo Horizonte (MG), a Startup Remederia espera um crescimento de até 200% no uso do seu aplicativo após o reajuste no preço dos remédios em 4,33% neste domingo (31/03).

Isso porque o app da empresa promete aos consumidores belo-horizontinos pesquisarem os remédios mais baratos, comprá-los e recebê-los em casa. Com R$ 1,1 milhão em investimentos, a empresa fechou parceria com farmácias da Região Centro-Sul de BH, polo considerado estratégico para conquistar uma grande quantidade de adeptos ao aplicativo logo nas primeiras semanas.

Ao instalar o aplicativo, o usuário pode digitar o nome do remédio de que necessita ou tirar uma foto da embalagem do medicamento. Em seguida, ele verifica o preço nas farmácias cadastradas e finaliza a compra ou opta por pagar no momento da entrega do produto.

Como funciona:

1 – O usuário instala em seu celular o aplicativo Remederia, disponível para as plataformas Android e IOS;

2 – Ao abrir o aplicativo, ele tem a opção de tirar foto do rótulo do remédio ou de digitar o nome do medicamento na busca para pesquisar o seu preço nas farmácias mais próximas;

3 – O aplicativo busca no mesmo instante os preços nas farmácias mais próximas; 4 – Em seguida, o usuário finaliza o pedido pelo celular e paga na hora do recebimento em sua casa;

5 – O Remederia entrega o remédio no local solicitado pelo cliente.

Fonte: Portal O Debate

” “

Indique para um amigo

Fonte: panoramafarmaceutico.com.br/2019/04/02/startup-mineira-combate-aumento-no-preco-dos-remedios